Publicidade:

 

 Publicidade:

 

 
 

CHARGE DO DIA

 

 

 

 

 

 

 


 

Home » Notícias » Atraso nas obras da SC-480

14/09/2013

Atraso nas obras da SC-480

Chapecó - A revitalização da SC-480 está com 15% das obras concluídas, segundo o engenheiro civil Gerônimo Zilneyk. Para ele, os trabalhos tiveram uma pequena alteração devido às chuvas de inverno que atrapalharam a compactação da terraplenagem das vias marginais com o excesso de umidade do solo. “Realmente tivemos certo atraso, mas nada de anormal ou alarmante. Este atraso se deu por questões climáticas, mas já chegamos aos 15% da obra e tenho a convicção de que, até o fim do ano devemos concluir ou, pelo menos, chegar aos 90% do total dela, ficando apenas as sinalizações”, garante.

Foto: Flavio Maron/RedeComSC

As máquinas e homens trabalham direto para que a obra seja concluída em nove meses e possa modificar a imagem da rodovia que liga a cidade de Chapecó ao estado vizinho do Rio Grande do Sul.

Mesmo com um prazo de 15 meses para entregar a obra, o engenheiro garante que será entregue antes do previsto. “Vamos terminar a obra sim antes do prazo estabelecido. Mesmo com um pequeno atraso temos a convicção de que tudo está dentro de um cronograma de trabalho e este será executado com exatidão”, completou.

O trabalho acelerado segue o cronograma estipulado pela empresa e a revitalização dos 20 quilômetros de extensão, saindo do Contorno Viário Oeste até a divisa entre os estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul vai modificar a imagem de entrada e saída do maior município do Oeste de Santa Catarina.

Investimentos

A obra orçada em R$ 32,6 milhões terá a implantação da terceira faixa e calçadas, além de 33 pontos de ônibus no percurso equivalente aos sete quilômetros. Neste primeiro momento estão sendo ampliados os espaços laterais da pista e sendo feito o sistema de drenagem para receber na segunda etapa a terraplenagem e pavimentação, incluindo assim a terceira faixa. “Em mais trinta dias devemos iniciar a pavimentação. Aí as obras são mais rápidas e o índice aumenta rapidamente. O início é o mais complicado, mas depois da terraplenagem concluída fica fácil”, finaliza Zilneyk.

Preocupação

Outro problema que tem atrapalhado o andar das obras são os acidentes de trânsito, principalmente com colisões traseiras. Segundo o engenheiro Gerônimo Zilneyk, tem que haver mais atenção dos motoristas neste caminho ao Marechal Bormann, pois existem muitos operários trabalhando e máquinas na pista e a velocidade desrespeitada no trecho acaba provocando os incidentes e, com isso, a obra também fica prejudicada, pois há uma paralisação a mais para atender a ocorrência e fica impossibilitado de se trabalhar no local.


 

Tags: atraso, obras, SC-480, empresa, chuvas, andamento, Chapecó

 

 

deixe seu comentário

 

Nome

E-mail (não será divulgado)

 

Sua mensagem

 

 

notícias relacionadas

 


 

 


 


 

 

 

Fale Conosco  |   Anuncie  |   redecomsc.com.br - Todos os direitos reservados REDECOMSC

 

Copyright © Portal RedeComSC - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.